Páginas

terça-feira, 31 de maio de 2016

Os 10 projetos de lei mais malvados de Jair Bolsonaro

Se você costuma se guiar por manchetes, já deve achar que o deputado federal Jair Bolsonaro é um demônio maligno que vai destruir o mundo. Muitos jornalistas, com alinhamento ideológico contrário ao que o deputado prega, prefere pincelar declarações do cara e fazer manchetes que mancham a imagem do cara (dando outra conotação pra manchete), exigindo uma divindade de deputados do outro campo do espectro político (quando jornalistas gostam do político, aliviam o lado dele).

A última foi que Bolsonaro resolveu dar uma zoada em uma deputada que já havia acusado ele de estupro, na qual ele falou um monte de bosta pra ela (claro, ao ser acusado de um crime hediondo e desumano do qual você é inocente, falar bosta é legítima defesa). 

Mas fui pesquisar os projetos de lei do deputado tido como demônio pelos jornalistas, e achei coisas horrendas! Veja:



PL-7104/2014 e PL-7105/2014: Acresce inciso ao art. 23, do Decreto-Lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940, que institui o Código Penal, para não caracterizar como crime atos de defesa no interior de domicílio contra pessoa não autorizada a entrar e Modifica as redações do parágrafo único do art. 23 e do art. 25, do Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940, que institui o Código Penal, para não caracterizar como crime atos de legítima defesa própria e de terceiros.

Como que alguém pode ser tão malvado a ponto de achar que as pessoas têm o direito de se defender?????

PL-7473/2014: Altera a redação do inciso XIV, do artigo 6º, da Lei nº 7.713, de 22 de novembro de 1998, que altera a legislação do imposto de renda e dá outras providências, para incluir os portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica - DPOC - enfisema pulmonar, no rol de isentos de tributação.

Ah não, Bolsonaro! Você é ridículo! Quem tem DPOC e enfisema pulmonar tem que pagar imposto sim!

PL-8176/2014: Acresce inciso ao § 2º do art. 121, do Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940, que institui o Código Penal, e altera o inciso I do art. 1º da Lei nº 8.072, de 25 de julho de 1990, tornando hediondos os crimes cometidos contra as vidas de servidores da segurança pública e seus familiares.

Tenho vergonha do Bolsonaro! Agravar a pena de quem mata policial e a família do policial não é justo!

PL-5398/2014: Aumenta a pena para os crimes de estupro e estupro de vulnerável, exige que o condenado por esses crimes conclua tratamento químico voluntário para inibição do desejo sexual como requisito para obtenção de livramento condicional e progressão de regime.

Não acredito que ele quer aumentar a pena pra estupro!!! Isso é ridículo! A pena pra estupro tem que ser maior!

PL-5490/2014: Inclui parágrafo no art. 59 do Decreto-lei nº 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal) para aplicação de pena no caso em que o crime cometido com concursos de pessoas tenha participação de menor.

O cara maior de idade ludibriou um menor pra cometer crimes com eles? Ridículo o Bolsonaro tentar aumentar a pena desses caras. 

PL-367/2011: Suspende o direito de dirigir do infrator que atingir quarenta pontos na Carteira Nacional de Habilitação, durante o período de doze meses.

Porra Bolsonaro! Tem que deixar o cara dirigir meu, 40 pontinhos qq tem

PL-5481/2009: Altera o inciso XIV da Lei nº 7.713, de 22 de dezembro de 1988, com a redação dada pela Lei nº 11.052, de 29 de dezembro de 2004, para incluir entre os rendimentos isentos do imposto de renda os proventos percebidos pelos portadores de Lúpus Eritematoso Sistêmico.

De novo essa história!?

PL-106/2007: Inclui como crime hediondo o roubo de veículos automotores.

Ah, que horrível! Deixa os caras roubarem o carro que a pessoa trabalhou pra caralho pra comprar, não precisa aumentar a pena não. Bolsonaro é um ser diabólico.

PEC-5107/2007: Concede imunidade tributária à produção e comercialização de programas de computador.

Ah não, Bolsonaro! Agora você passou de TODOS os limites! Desumano achar que quem cria os programas de computador que EU USO não tem que pagar imposto! Tem sim!

Chega, quem quiser ver todas as atrocidades desse demônio é só ir no site da câmara. Absurdo!
Ovelhas Voadoras

Jair Bolsonaro mito do Brasil LTDA salve se quem puder, ele ta chegand...

Bolsonaro dá coice em repórter #Bolsonaro2018

BAND Jair Messias Bolsonaro é o único que cresce e tem rejeição baixissi...

Sérgio Moro acaba de comunicar STF com lista de 300 nomes ligados a 24 partidos políticos para prisão

[BOMBA] Sérgio Moro acaba de comunicar STF com lista de 300 nomes ligados a 24 partidos políticos para prisão

Publicado em 20/04/2016 às 20h42.

AddThis Sharing Button

Image title
Se você ainda duvida do juiz Sérgio Moro, é melhor rever seus conceitos, pois mais uma vez está mostrando a que veio e está fazendo uma faxina no Brasil. A comunicação ao STF é um rito obrigatório para que posteriormente ele possa pedir a prisão de todos os envolvidos na corrupção política! O juiz federal é o responsável pelos processos da operação Lava Jato na primeira instância, e com isso decidiu enviar ao STF a denominada “superplanilha” com a indicação de pagamentos feitos pela empreiteira Odebrecht a centenas de políticos de diversos partidos, na qual foi encontrada pela força-tarefa da Operação Lava Jato na casa do ex-presidente de Infraestrutura da empreiteira Benedicto Barbosa Silva Junior, no Rio de Janeiro. A decisão foi assinada por Moro na manhã desta segunda-feira.
A superplanilha traz cerca de 300 nomes ligados a 24 partidos políticos. Levantamento do jornal O Estado de S. Paulo com base no documento mostra que, em vários casos, os valores são superiores aos declarados pelos candidatos indicando possível caixa 2. “O ideal seria antes aprofundar as apurações para remeter os processos apenas di­ante de indícios mais concretos de que esses pagamentos seriam também ilícitos. A cautela recomenda, porém, que a questão seja submetida desde logo ao Egrégio ­Supremo Tribunal Federal”, registrou Moro.
Fonte: Pensa Brasil

Luiz Ortunho · ESTA CERTO, TEM QUE COLOCAR TUDO NOVO NESSA BRASILIA PODRE

Governo do Rio de Janeiro proíbe realização de baile funk em todo Estado

001
“Se dependesse de mim, ele seria punido com a pena de morte”, afirmou hoje (30) o governador em exercício do Rio de Janeiro, Francisco Dornelles, sobre o crime de estupro coletivo sofrido por uma adolescente de 16 anos numa favela da zona oeste do município do Rio, divulgado na semana passada pela internet.
Segundo Dornelles, trata-se do mais hediondo dos crimes. O governador em exercício disse ter estado ontem (29) com o chefe da Polícia Civil, delegado Fernando Veloso, ao qual pediu que tomasse todas as medidas, para que haja “a punição mais violenta possível contra essas pessoas que desonraram o estado do Rio de Janeiro”.
Dornelles garantiu que a polícia está fazendo tudo ao seu alcance para elucidar esse crime e chegar aos culpados: “Ela tem conhecimentos técnicos para fazer (isso)”. O governador em exercício falou sobre o caso na sede da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), onde recebeu do presidente da entidade, Eduardo Eugenio Gouvea Vieira, a segunda edição do Mapa do Desenvolvimento do Estado para 2016/2025.
Em nota divulgada nesta segunda-feira , a Defensoria Pública do Rio de Janeiro comunicou ter assumido a defesa da vítima do estupro coletivo. De acordo com a nota, a adolescente já foi atendida pelas defensoras do Núcleo de Defesa da Mulher (Nudem), “que passa a acompanhar todos os depoimentos e desdobramentos do caso a partir de agora”.
Crueldade
Também por meio de nota, a subsecretária de Políticas para as Mulheres, da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos, Marizete Waineraich, se manifestou sobre o caso de estupro de uma jovem de 16 anos, ocorrido no Morro São José Operário, na  Praça Seca, na semana passada.
Segundo ela, “mais uma vez nos vemos diante de um crime bárbaro de estupro coletivo. Após a crueldade cometida à adolescente do Piauí um novo caso de estupro coletivo com requintes de crueldade, onde a vítima vem sendo exposta de forma vil e vexatória, ocorreu na cidade do Rio de Janeiro. “Como não se indignar diante de tamanha barbárie e humilhação?”
No texto, Marizete disse ainda que, “para piorar, tenho lido comentários que tentam desqualificar a vítima. Eles são tão desprezíveis e violentos quanto o crime cometido. Devemos ter tolerância zero às formas de violência contra a mulher.”
No comunicado, a subsecretária afirmou também que “piadas sexistas não devem ser toleradas, muito menos textos de conteúdo misógino, que, além de exceder a repugnância, são criminosos, pois induzem a violência contra a mulher. Vamos nos indignar sim! Vamos nos revoltar sim! Esses crimes precisam ser denunciados, combatidos e punidos”. A subsecretaria de Políticas para as Mulheres tomará todas as providências para amparar a vítima e sua família.

BRASIL VERDE AMARELO

Nossa Bandeira Nossa Pátria

Duas novas operações da PF vão estremecer o Brasil. O mundo político vai sacudir!

Duas novas operações da PF vão estremecer o Brasil. O mundo político vai sacudir!
Rodrigo Janot e a força-tarefa da Lava Jato estão preparando duas mega operações que vão implodir o mundo político em Brasília e São Paulo

As operações serão chamadas de ‘Senatus’ e ‘do Barba’ [as fases não terão necessariamente esses nomes, mas os focos serão o SENADO e o ex-presidente LULA]

A 30ª fase da Lava Jato deverá ter como alvo principal o Senado Brasileiro, devido às delações de Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro e do ex-senador Delcídio do Amaral.

Ao menos quatro senadores estão na mira das operações: Renan Calheiros, Romero Jucá , Edison Lobão e Fernando Collor.

A PGR ainda não decidiu se pedirá ao STF autorização para prisões ou apenas condução coercitiva, o que incluirá mandados de busca e apreensão em gabinetes e residências.

O GOLPE DE MISERICÓRDIA

Já a 33ª da Lava-Jato será a mais bombástica .

De acordo com informações da Coluna Esplanada, essa operação irá cercar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o seu Instituto.

FONTE DA NOTICIA
http://www.diariodobrasil.org/duas-novas-operacoes-da-pf-vao-estremecer-o-brasil-o-mundo-politico-vai-sacudir/?R=1#

JÔ SOARES VOLTA ATRÁS, DIZ QUE NÃO HÁ GOLPE E ESCULACHA NOBEL DEFENSOR DE DILMA

Entrevistador chamado de petista criticou também a postura do Senador Romário.

Jô Soares critica nobel da paz
Jô Soares critica nobel da paz
O entrevistador Jô Soares vem sendo acusado de forma veemente desde o ano passado de apoiar o mandato dapresidente da república Dilma Rousseff. No entanto, de uma coisa ele agora diz ter certeza, que não aceita que representante de outro país venha falar mal do Brasil. A declaração foi dada na madrugada desta quinta-feira, 05, durante um quadro político do programa de Jô na Globo. O apresentador, no entanto, aproveitou o espaço para tecer críticas contra um dos Senadores mais conhecidos do país, o ex-jogador Romário. Segundo Soares, durante a Comissão do Senado, Romário teria reclamado e questionado quando teria espaço para falar. Para Jô, a maior qualidade que um Congressista precisa ter é ouvir e não falar. 
No entanto, a maior crítica de Jô ficou mesmo com Adolfo Pérez Esquivel, argentino que venceu o Nobel da Paz na década de 1980. O conhecido comunicador disse que não admite que nenhum estrangeiro venha a seu país falar mal do que acontece por aqui, mesmo que fosse Nobel de tudo. "Tá errado", esculachou Jô. Ele continuou as suas críticas, dizendo que ninguém de fora, que não conhece o que se passa por aqui, falar de forma leviana sobre um "golpe de estado". O apresentador concordou que não dá para dizer que o processo de impeachment seja um "golpe de estado", lembrando que até mesmo pessoas do governo reconhecem que não é exatamente assim. 
Na semana passada, Jô causou revolta de muitas pessoas ao defender o ator José de Abreu, que dias antes havia se envolvido em uma confusão com um casal em um restaurante japonês de São Paulo. Depois de ser xingado, Abreu cuspiu no homem e na mulher, a quem chamou de "fascistas". Antes das cusparadas, ele cantou o hino nacional brasileiro. Desde o início da semana, após sofrer inúmeras ameaças, Abreu decidiu tirar seu perfil oficial no Twitter do ar. De acordo com a colunista Patrícia Kogut, hackers descobriram qual era o seu número de celular e estariam fazendo trotes. A retirada da página do ar acontece dias antes do processo de Dilma ser votado no Senado.